terça-feira, 6 de dezembro de 2011

NOSTALGIA



A chuva que ja caiu,
O sol que me aqueçeu,
Aquele tempo que me fugiu,
Que foi meu tão meu.
 
Primavera em flor,
Com cheiro a mimosas,
Cada dia vivido com amor,
Recordações minhas valiosas.
 
Ouço ainda o sorrir,
Da menina que brincava,
Que tudo queria descobrir,
Do mesmo modo que sonhava.
 
A nostalgia foi o que me ficou,
Do que vivi e deixei por viver,
De outros tempos o que me sobrou,
Como tal jamais os irei esquecer.
 
Momentos bons e maus também,
Tive de tudo para quê ocultar,
A vida não é só o que nos convém,
A todos eles temos que recordar.
 
É bom sentirmos nostalgia,
É sinal que nunca haverá fim,
É antes uma enorme alegria,
É darmos-nos conta que a vida é assim.

SAXON 16-10-2011 MC.BATISTA         

2 comentários:

  1. E bom lembrar assim... o passado e Sabedoria.

    ResponderEliminar
  2. A vida é assim, com certeza. E é assim que ela é bela.
    Linda poesia!

    ResponderEliminar