sábado, 3 de setembro de 2016

NA MINHA AUSÊCIA




Cada raio de sol que houver, é um sorriso meu,
vem, para te iluminar.
Cada gota de chuva que sentires,
é uma  lágrima minha que te chora.
O vento, ah, o vento, é o meu amor...
Mais forte, ou mais fraco, mas sempre presente.
O dia nasce  para te ver viver,
e eu estarei lá para te beijar. Sentes...?
Por cada noite que chega,
abraço-te, abraço-te, forte para sentires o meu calor.
És parte de mim, vive intensamente,
mas sem nunca me esquecer!
 
Na minha ausência...
sorri, e eu sorrio contigo.
Ama a vida, só assim eu vivo.

Mc.Batista
Saxon 3-9-2016




Sem comentários:

Enviar um comentário